quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Lição 1 – O surgimento da Teologia da Prosperidade, 01 de janeiro de 2012, A Verdadeira Prosperidade, A vida cristã abundante, subsídio: Professor Érick Freire

Teologia ou teoria da Prosperidade?

Queridos, no trimestre anterior falamos de problemas internos a igreja, a destruição de Jerusalém simbolizava a desordem interna que a igreja tem sofrido nos tempos hodiernos, agora seremos mais pontuais, porque apesar de parecer que a igreja cristã está emergindo diante a sociedade brasileira, na realidade, está se degradando e se apoiando em muletas, e não são só uma ou duas, mas várias muletas que, tem destruído a identidade cristã e uma destas muletas se chama a Teologia da prosperidade, na realidade esse é o nome dado pelos especialistas em estudo da Bíblia, mas eu criarei um novo termo “teoria da prosperidade”, você pode até está se perguntando por que teoria, mas destrincharemos sobre este meu ponto de vista.

sábado, 24 de dezembro de 2011

Por que escrevi sobre os problemas da IEADERN?

Foto: www.quadrinize.com
Amados e queridos irmãos recebi uma série de questionamentos porque de um blog de Escola Dominical apesar de novo, mas tão conhecido no Brasil e no mundo desviou seu foco durante esta semana? E eu respondo que não desviei, primeiro porque o tema da lição de amanhã trata fidelidade e Integridade da liderança, por isso, fiquei transtornado pelos absurdos que vi e li na rede que, hoje tem tanto um poder apassivador como também destruidor, homens foram expostos, suas vidas ficaram a mercê do julgamento de quem nem os conhece, na realidade não nos conhecemos nem a nós mesmos! Por isso, com muito pesar no coração tive de entrar após todo o alvoroço para mostrar com consciência e responsabilidade o que realmente estava acontecendo!

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Nepotismo é desfeito na Assembleia de Deus- IEADERN - Por Laurivan Sousa

Nepotismo é desfeito na Assembleia de Deus- IEADERN

Quero aqui agradecer a todos os companheiros da imprensa do RN que divulgaram minha carta contra o nepotismo. Pratica esta que estava para ocorrer na minha Igreja, a Assembleia de Deus do Rio Grande do Norte. Agradeço também os que se portaram de forma profissional não divulgando coisas pejorativas, ditas contra os meus irmãos pastores. Hoje (23) pela manhã os pastores da IEADERN se reuniram em uma Assembleia Ministerial Extra-ordinária e conseguiram corrigir o nepotismo que estava para ser possivelmente aprovado em Assembelia Geral, neste dia 23, pela noite. É bom, o costume de comungar com as decisões tomadas pela Assembleia Ministerial, que é composta por centenas de pastores.

Pastores da IEADERN renunciam!!!

Pastor Elizeu Moreira
Pastor Edson Moreira Neto
Os pastores Elizeu Moreira (1º vice-presidente) e seu sobrinho pastor Edson Moreira Neto (1º tesoureiro) renunciaram nesta manhã os seus cargos, após horas de assembleia no templo central eles desistiram da continuidade de suas diretrizes dentro da diretoria geral da Assembleia de Deus!
Tenhamos compaixão por eles, se alguém da diretoria pecou e errou não os joguemos no monturo, mas passemos a ajudá-los a recuperarem suas vidas espirituais, porque a nossa obrigação é ajudar, não julgar e perdoar, mas que devem pagar pelos erros os que erraram com certeza terão seus salários!

Denuncias da IEADERN - Exigimos respeito a toda IEADERN, ao pastor presidente, ao Dc. Laurivan de Sousa e contra o anonimato!

Em muitos blogs cristãos que divulgaram na última semana sobre a IEADERN muitas pessoas estão se aproveitando do anonimato para fazer acusações sem provas contra vários membros da diretoria e contra o diácono Laurivan de Sousa que, produziu a carta com seu posicionamento contra alguns erros internos cometidos pela diretoria da IEADERN, como cidadão brasileiro ele tem respaldo pela Constituição Nacional para tal, mas os que o acusam estão ferindo a Carta Magna dando brecha a formação de uma bola de neve que tem crescido a cada dia!

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Projeto para novo ano letivo da Escola Dominical - 2012

Queridos, na próxima semana estarei organizando e publicando um projeto para EBD no ano de 2012!
Aguardem e usem-no! Pois, a qualidade do ensino bíblico na Escola Dominical deve ser melhorada a cada semana, a cada dia!!!

Extra - Comentaristas seculares acessaram o documento do Conselho fiscal da IEADERN

Passou do limite até um apresentador de TV expõe os problemas da Assembléia de Deus de forma difamatória e VEXATÓRIA!!!

Lição 13 - A Integridade de um Líder, Escola Dominical, CPAD, 25 de Dezembro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Comentarista: Pastor Elinaldo Renovato de Lima, Consultor Doutrinário e Teológico: Pastor Antonio Gilberto, Subsídio: Professor Érick Freire.

Os tipos de Líderes e a Integridade

Queridos para o capítulo desta semana relutaram para que eu escrevesse, pois muitos Brasil a fora e até no resto do mundo tem utilizado os textos dos quais escrevo, por isso falarei sobre o assunto desta semana que é sobre a integridade de líderes, sabemos que é um assunto delicado, principalmente nos últimos dias que vivemos uma série de escândalos como, um efeito dominó, líderes cristãos que caem em desgraça com condutas desaprovadas por Deus, temos então alguns tipos de líderes que, ensejam este grupo de íntegros e de corruptos: O primeiro deles é aquele a quem Deus escolhe como líder, mas na sua caminhada desviasse de seus caminhos, o outro é aquele que é escolhido pelo homem por algum interesse particular, pessoal ou financeiro, o terceiro é aquele a quem Deus escolhe e permanece fiel aos propósitos de Deus e o quarto e último é aquele que o homem escolhe com o consentimento da igreja falarei sobre cada um deles e darei exemplos na Bíblia.

FALSOS MESTRES, CONTENDAS À VISTA!!! CUIDADO COM ELES!!!

"Mas se tendes zelo amargo e o espírito de contenda nos vossos corações, não vos glorieis e não mintais contra a verdade" Tiago (3.14).
       Queridos, o nosso irmão em Cristo, Tiago escreveu em sua carta, mas especificamente no capítulo 3, tratando no primeiro versículo, com os ditos mestres. Discorre que ser mestre não é tão fácil, pois muitos querem ser mestres, mas sabemos que para o ser, a exposição é maior, uma palavra mal dita por uma pessoa comum faz estragos, mas uma dita por um mestre não tem mensurações de sua avalanche de consequências, ou seja, para ser mestre, deve-se ter muito cuidado com o que fala, pois a língua que é um pequeno órgão se gaba da sabedoria humana, enquanto que a sabedoria divina, pelo contrário, é imparcial e pacificadora. Muitos mestres nos dias de hoje querem criar brigas, discussões, divisões, apontam erros de A ou B e se esquecem da trave que está no próprio olho, como falou Jesus : "Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho, e então cuidarás em tirar o argueiro do olho do teu irmão" Mateus (7.5).

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Dinâmica: E Foram Felizes para Sempre, Por Sulamita Macedo.

Objetivos:

Refletir sobre os objetivos do casamento e as conseqüências do Jugo desigual.
 
Material: 02 quebra-cabeças com poucas peças(entre 12 e 20).

Procedimento:
- Escolham 4 alunos, dividindo-os em 02 grupos. Solicitem que cada dupla monte um quebra-cabeça com poucas peças.
Observações:
- Cada conjunto de peças, deverá conter 01 peça do outro conjunto. Mas, não falem sobre isto para as duplas.
- Fiquem atentos a montagem dos dois quebra-cabeças: a reação das duplas quanto a peça estranha nos conjuntos e até mesmo a dificuldade de execução do quebra- cabeças.
- Perguntem: O que está acontecendo? Por que não conseguiram concluir?

Lição 12 - As consequências do jugo desigual, Escola Dominical, CPAD, 18 de Dezembro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Comentarista: Pastor Elinaldo Renovato de Lima, Consultor Doutrinário e Teológico: Pastor Antonio Gilberto, Subsídio: Professor Érick Freire.

O jugo desigual!

A célula mater da estrutura social humana foi constituída por Deus, e esta é o casamento, no princípio da raça humana Deus criou o homem como um ser solitário, individual e incompleto, por isso, ao notar e já saber por sua pré-ciência que o homem precisaria de alguém para compartilhar de sua vida Deus criou uma mulher chamada Eva e este casamento foi instituído e consagrado por Deus, mas desde esta instituição esta junção de duas pessoas tem sido deturpada ao longo dos milênios, apesar de que em geral, quando é formado como Deus ensinou funciona corretamente bem.
O casamento é uma extensão do amor, alguns como Neemias, decidem não casar, pois dedicam-se a algo com toda vida devocional, nesse caso Paulo alguns séculos depois recomenda que mantenham o celibato para os que tiverem o dom (1 Co 7.8,9) fato controverso no meio católico romano, pois Paulo não obriga, mas faz uma recomendação pessoal. No geral é melhor casar do que praticar adultério, ou melhor, fornicar!

sábado, 10 de dezembro de 2011

Novo Layout

O EBD Brasil está passando por algumas reformas em seu Layout, por isso queremos sua opinião!
Deixem seus comentários sobre o nosso novo formato!

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Lição 11 - O Dia de Adoração e Serviço a Deus, Escola Dominical, CPAD, 11 de Dezembro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Comentarista: Pastor Elinaldo Renovato de Lima, Consultor Doutrinário e Teológico: Pastor Antonio Gilberto, Plano de Aula e Orientação Pedagógica: Professor Érick Freire.

Objetivo: Após a aula o aluno deverá entender que a guarda do sábado era ordenança e que deveria ser cumprida cabalmente naquela época, pois o descumprimento deste mandamento acarretaria muitos prejuízos espirituais, mas que em nossos dias a morte de nosso maior de todos os líderes, o nosso próprio Deus (Jesus) anulou o ritual, mas não anulou o compromisso de servirmos a ele de forma humilde, total e integralmente.

Tempo estimado: 1 Hora

1º Momento: Comece a aula cumprimentando os alunos e dizendo que eles são muito importantes para esta aula que, todos juntos pensam melhor que um só, que sintam-se a vontade para comentar e que, se tiverem vontade de falar fiquem à vontade, como também se quiserem ficar calados eles tem o mesmo direito, mas mostre que articular perguntas e afirmações ajudam a aprender melhor! Comente sobre o Shabat, o que era e porque existia, quebre o paradigma de ser só um dia de descanso, na realidade diga que era um dia de serviço, mas de serviço espiritual.

Dinâmica: O verdadeiro líder

Objetivo: Entender como um líder consegue obter verdadeiros resultados através de uma mudança de atitude de cima para baixo, ou melhor, de baixo para cima.
Material: Desenho do antigo e velho paradigma de liderança (adaptado de o Monge e o Executivo) desenho logo abaixo:


domingo, 4 de dezembro de 2011

Lição 11 - O Dia da Adoração e Serviço a Deus, Escola Dominical, CPAD, 11 de Dezembro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Comentarista: Pastor Elinaldo Renovato de Lima, Consultor Doutrinário e Teológico: Pastor Antonio Gilberto, Subsídio: Professor Érick Freire.

O DIA DO SENHOR


Estamos próximo a conclusão de nossas lições, e muito temos aprendido sobre a história desse grande homem de Deus chamado Neemias, por isso, agora devemos começar a reflexão sobre todo esse aprendizado! Para que serviu estudar durante esses quase 3 meses de muita benção e abalo intelectual e reconstrução de uma vida espiritual embasada na busca incessante pela Palavra do Senhor, a busca em conhecê-lo e reconhecê-lo, conhecê-lo através de sua Palavra e reconhecê-lo através da vida de homens verdadeiramente de Deus, afastando-se daqueles que distorcem a Palavra e tentam de uma forma ou de outra desviar o povo do seu foco que é a busca pelo Senhor!
Por isso, quando falamos de reflexão vem em nossas cabeças o final de um ano, como é este que está por vir, mas para os judeus essa reflexão é ainda mais profunda, se chama o Shabat, hoje conhecemos como sábado, mas na realidade não é o sábado, pois os dias para judeus não tem nomes, também esses dias não começam a meia noite, o calendário judaico não é solar e sim lunar, possuindo anos de 354 dias em contraponto aos nossos 365 dias, mas a diferença é compensada com um mês extra 7 vezes a cada 19 anos, ou seja, em 7 de 19 anos corridos é inserido o mês de Adár Shení.

sábado, 3 de dezembro de 2011

30 Anos - Obrigado Senhor!!!

Agradeço a Deus por há 30 anos atrás ter vindo a Terra, agradeço a Ele e aos meus pais Nelis e Evilásia que me ensinaram a ser um servo de Deus!!!
Logo mais à noite estarei comemorando esses 30 anos de bençãos e postarei as fotos aqui!!!
Agradeço a Deus especialmente por vocês que entram no Blog do Professor Érick Freire, o EBD Brasil, pois vocês são mais do que leitores, são presentes que Deus me deu!
Professor Érick Freire e a esposa Lélia Freire

A GRAÇA DE DEUS É SEM FIM! SEU FAVOR É INEXPLICÁVEL! SEU AGIR É INDISCUTÍVEL!!!

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Lição 10 - O Exercício Ministerial na Casa do Senhor, Escola Dominical, CPAD, 04 de Dezembro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Comentarista: Pastor Elinaldo Renovato de Lima, Consultor Doutrinário e Teológico: Pastor Antonio Gilberto, Plano de Aula e Orientação Pedagógica: Professor Érick Freire.

Objetivo: O aluno após a aula deverá entender que o líder deve ser exemplo no meio da congregação e principalmente comprometido com o Reino de Deus, sendo transparente com os recursos financeiros da igreja, entendendo que os dízimos e as ofertas devem ser usados para manutenção da obra, ajuda aos necessitados, estruturação do templo físico e evangelização do mundo.


1º Momento: Trabalhe o assunto do tópico I da lição, para respaldar melhor seu comentário leia o Artigo Sem mistura, com serviço < Clique Aqui >. Fale pra os alunos que a mistura com povos pagãos atrapalham o desenvolvimento do trabalho do Senhor, lembre resumidamente da lição Arrependimento a Base para o Concerto. Não esqueça de comentar primeiro sobre o porque dos versículos 1 a 3.
Comente sobre a situação entre Eliasibe e Tobias.

2º Momento: Faça a dinâmica O Cristão e o mundo. Faça a relação dessa dinâmica com o assunto, mostrando que a mistura com a hipocrisia, a mentira, a corrupção e com pessoas que escarnecem o evangelho influencia a igreja de forma negativa.

Dinâmica: O cristão e o mundo

Duração: 15 min.


Material: papel e lápis suficiente para todos os participantes. Sentado em círculo, cada um recebe uma folha e um lápis; escreve o nome e faz um desenho que represente a si mesmo (pode ser boneco de palitinhos ou com detalhes) deixar uns 2 a 3 minutos, incentivar os preguiçosos e os tímidos. Observar o desenho: ele está pronto, mais ou menos, o que você gostaria de fazer? Passar o desenho ao colega do lado direito, pedir que acrescente uma coisa ao desenho, passar  novamente para a direita, repetir o processo até chagar novamente em suas mãos. Observar o que foi acrescentado. Observar como podemos mudar, ser influenciado por valores externos, por outras pessoas e pelos meios de comunicação. Será que estamos realmente prontos? Será que temos convicção de nossa fé e sobre nossa responsabilidade de construirmos aqui o Reino de Deus.

Lição 10 - O Exercício Ministerial na Casa do Senhor, Escola Dominical, CPAD, 04 de Dezembro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Subsídio: Professor Érick Freire

Sem mistura, com serviço, seriedade e combatendo a corrupção!

Querido leitor neste capítulo veremos sobre, inicialmente a mistura dos estrangeiros com o povo de Deus, depois sobre as últimas reformas feitas por Neemias. O interessante é que essa mistura foi logo dissolvida e o povo respeitou e cumpriu o que a Lei ou Torah (Pentateuco) ensinava.
Para podermos entender sobre este primeiro ponto devemos migrar ao contexto remoto desse texto, voltemos para a referência de (Nm. 22-24) Quando Balaque, o rei moabita, manda mensageiros a Balaão e pede para que ele amaldiçoe o povo de Israel que estava para atravessar Moabe, por isso, ele fica preocupado com a força do povo que, estava conhecido como povo conquistador na região, eram cerca de 2,5 milhões de hebreus que iriam atravessar aquela região e isso deixou Balaque arrasado e preocupado, com isso, ele pede através de seus mensageiros que Balaão faça sacrifícios para condenar o povo, alguns dizem por aí que Balaão era um profeta de Deus, na realidade muitas de suas profecias foram cumpridas, mas a sua ganância era grande e se vendia para os reis.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Lição 9 - A Organização do Serviço Religioso, Escola Dominical, CPAD, 27 de Novembro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Comentarista: Pastor Elinaldo Renovato de Lima, Consultor Doutrinário e Teológico: Pastor Antonio Gilberto, Plano de Aula e Orientação Pedagógica: Professor Érick Freire.

Plano de Aula
Lição 9 - A Organização do Serviço Religioso

Objetivo: O aluno após a aula deverá entender que para ser separado alguém para a Obra do Senhor precisa-se de abdicação e santidade, sabendo que o culto ao Senhor deve ser reverente e que o sacrifício de animais não é mais suficiente, mas o sacrifício do próprio corpo.


Tempo Estimado: 50 minutos

1º Momento (15 minutos): Pergunte aos alunos se eles estudaram a lição da semana, não esqueça de sempre incentivá-los a ler e estudar a lição, pois isso trás avivamento e sede pela Palavra.
Logo depois diga que antes da organização do serviço religioso devemos saber um pouco do que estava acontecendo naquela época nos remetendo ao capítulo anterior a leitura bíblica em classe, leia antes da aula o artigo Organização do serviço religioso - Antecedentes políticos e históricos < Clique Aqui> para falar deste contexto.
Depois pergunte a eles(as): Vocês sabem da diferença entre sacerdote, sumo sacerdote, escriba e de que tribo eles eram? Espere as respostas e comente embasado no artigo O que era o sacerdócio? < Clique Aqui >.

2º Momento (20 minutos): Entre no tópico A Dedicação dos muros fale sobre a alegria de todos poderem ver o muro pronto e se alegrarem no Senhor e fale sobre a importância da participação dos levitas, como homens separados e santificados para servirem ao Senhor.

Subsídio lição 9 A Organização do Serviço Religioso, O que era o sacerdócio – Origem e propósitos, Comentário: Professor Érick Freire

O que era o sacerdócio – Origem e propósitos

Deus queria que Israel se tornasse uma nação separada, para tanto escolheu Araham e seus descendentes para formarem o sacerdócio, antes da saída do povo do Egito o filho mais velho, ou seja, o primogênito era separado como sacerdote da família, mas isso não era suficiente, já que, era necessária dedicação total e exclusiva ao culto e rito religioso judaico. Por isso, a vocação sacerdotal começou a passar de pai para filho, ou melhor, tornou-se hereditária, obrigando aos sacerdotes transmitirem toda a Lei aos seus filhos, os rituais dos cultos religiosos e as regras para cada tipo de sacrifício ou oferta ao Senhor (Corbã), desde pequenos os filhos teriam de aprender para serem escolhidos como sacerdotes.
Apesar dessas regras, não eram apenas esses descendentes que cuidavam do trabalho religioso, existiam os levitas que davam todo aparato de ajuda aos sacerdotes, após a saída do Egito os levitas foram escolhidos estritamente por Deus para tão valioso serviço naquela época. A Bíblia não mostra regras para esta escolha, mas provavelmente (conjecturo) que Deus os escolheu por causa de seu desprendimento as coisas terrenas e o zelo pelas coisas do Senhor. Os levitas presenciavam todo o rito religioso, assistiam tudo e, no deserto, transportavam o tabernáculo, isso antes da conquista de Canaã e muito antes da reconstrução de Jerusalém por Neemias.

Texto: O Servo

Texto para reflexão:
O servo
Vamos falar de heróis anônimos. Homens que não têm seus nomes escritos em placas de bronze. São servos abnegados, incansáveis no exercício de suas funções cristãs, exercitando a misericórdia, descendo abismos em busca da ovelha perdida, consertando algumas peças na carpintaria de Jesus, plantando e colhendo a semente do amor.
Estão sempre contando histórias, ensinando o caminho da vida, mostrando a todos o caminho do céu.
Eles constroem edifícios invisíveis; utilizam as lágrimas para fazer a argamassa a fim de levantar paredes, fazendo prédios que depois de prontos são templos físicos para a igreja do Senhor se reunir.
Homens marcados com alegrias e tristezas, que são exemplos de coragem e muita humildade.
Esses heróis são os servos que, já cansados, curvam-se sobre os seus corpos, esperando no Senhor e entregando todos os seus desejos, são mordomos fiéis em sua jornada, pois realizam o trabalho do Senhor com prontidão e toda devoção.

Dinâmica: O Diploma

Objetivo: Permitir a troca de informação pessoal durante o tempo de convivência em grupo.
Material: Um papel em branco e caneta para cada aluno
Procedimento: Cada aluno da classe recebe um papel em branco onde deverá fazer as margens de seu diploma e escrever o seu nome. A seguir, os diplomas são trocados para que cada pessoa escreva uma frase original sobre o seu colega. Deve-se escrever principalmente algo importante acerca da sua atuação no trabalho da igreja local.
Quando todos encerrarem o registro de sua apreciação, o diploma retorna ao dono, para que observe as apreciações dos colegas. Cada um fará um comentário sobre as frases dos colegas.
Aplicação prática:
O que você escreveria no diploma dos sacerdotes?
O que você escreveria no diploma de Neemias?

domingo, 20 de novembro de 2011

Lição 9 - A Organização do Serviço Religioso, lições bíblicas da CPAD, Jovens e Adultos, subsídio histórico, antecedentes políticos, Comentário: Professor Érick Freire

Entendendo o Contexto Histórico anterior a reorganização do sacerdócio!

No capítulo anterior vimos sobre o compromisso que o povo fez com Deus, se afastando dos pagãos e sofrendo com a separação de casais mistos (judeu casado que pessoas dentre o povo pagão), como também vimos a relação do povo com o templo e que o conceito de templo sofreu modificações após o advento do nosso Senhor Jesus aqui na Terra, transformando cada um de nós em templo do Espírito Santo, mudando muitos conceitos e práticas de outrora.
Neste capítulo de agora trataremos sobre a organização do serviço religioso, mas antes, devemos nos ater um pouco no capítulo 11 de Neemias que nos trás informações riquíssimas sobre a inovação e organização dentre o povo de Deus, pois antes de ser organizado o serviço religioso a cidade de Jerusalém necessitou de povoamento, a população que vivia dentro das muralhas era muito pequena e depois de terem selado o conserto com um novo compromisso, o sentimento de patriotismo, juntamente com a vontade de assumir a herança espiritual deixada ao povo por seus ascendentes e principalmente pela lei mosaica criou nos corações dos judeus residentes nas regiões circunvizinhas o desejo de repovoarem a capital recém reconstruída. Em nenhum momento Neemias exigiu do povo essa atitude, pelo contrário, eles quem se ofereceram voluntariamente, pois se a cidade continuasse com a pequena população existente provavelmente seria saqueada e destruída por seus vizinhos tanto samaritanos como outros povos longínquos.No versículo 2 do capítulo 11 do livro de Neemias vemos dentre o povo que, dez porcento da  população foi escolhida para residir e proteger Jerusalém, enquanto que o restante foi morar na região de Judá nas cidades adjacentes, também muitos dos voluntários foram aplaudidos por terem em seu espírito a auto disposição e abnegação de verdadeiros servos do povo e de Deus, junto a eles também moraram todos os líderes e príncipes (o “clã” da população judaica),para aqueles era uma honra, pois o muro reconstruído dava uma identidade e elevava a moral do povo, a espiritualidade e o estudo da Lei os encorajaram a agir de maneira corretiva e a adoração também se estendeu nos atos de voluntariedade, Neemias sem nenhuma imposição legal, mas comandando um avivamento, conseguiu fazer com que o povo despertasse e decidissem de forma madura quais seriam as melhores escolhas para a organização da nação agora reavivada!

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Lição 8 O Compromisso com a Palavra de Deus, Escola Dominical, CPAD, 20 de Novembro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Comentarista: Pastor Elinaldo Renovato de Lima, Consultor Doutrinário e Teológico: Pastor Antonio Gilberto, Plano de Aula e Orientação Pedagógica: Professor Érick Freire.

Plano de Aula
Lição 8 – O Compromisso com a Palavra de Deus

Objetivo: O aluno após a aula deverá compreender que a Bíblia é o nosso guia e que para o povo ser vitorioso teve de cumprir as ordenanças da lei, tendo consciência que Deus não concorda com uma união entre seus servos com idólatras.


1º Momento: Comece a aula perguntando aos alunos: O que é compromisso? Espere as respostas e depois diga o significado de compromisso < Clique aqui > e fale sobre o compromisso firmado pelo povo judeu com Deus após o aprendizado da lei, a adoração e a oração de um coração quebrantado.

Lição 8 - O Islamismo, Lições Bíblicas de Juvenis CPAD, O perigo da falsa ciência e das filosofias antibíblicas, Plano de Aula: Professor Érick Freire


Plano de Aula
lição 8 – O Islamismo

Objetivos: O aluno após a aula deverá compreender que o islamismo não é embasado na Bíblia, tendo então consciência que são povos que precisam ser alcançados pelo evangelho de Cristo e que suas crenças são em sua maioria anti-bíblicas.

Tempo estimado: 45 minutos

1° Momento: Faça a dinâmica O Falso Mestre (adapte-a para o assunto)

2° Momento: Faça a seguinte indagação: Alguém sabe me dizer o que é islamismo? Espere as respostas dos alunos. Comente embasado no texto O Islamismo < Clique aqui >. Depois fale para eles sobre como é a personalidade de Deus no alcorão, como eles entendem quem é Jesus Cristo e o Espírito Santo.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Lição 8 - Os Objetivos da Equipe de Cristo, Lições bíblicas para adolescentes, Plano de Aula Professor Érick Freire

Plano de Aula
Lição 8 – Os Objetivos da Equipe de Cristo

Objetivo: Após a aula o aluno deverá compreender que a equipe de Cristo tem vários objetivos a perseguir e que seu estímulo é alimentado pelo seu Mestre.

1º Momento: Faça o quebra-gelo da página 55, geralmente não recomendo-o pois não são tão bem elaborados, mas esse da lição 8 está e têm bons objetivos.

2º Momento: Pergunte: Qual é a maior meta do cristão? Espere as respostas e diga que a maior meta de todos os que servem a Cristo é agradar a Deus, pois em Dt 6.5 diz que devemos amar a Deus com todas nossas forças, com toda nossa alma e de todo nosso coração, como também em Mt 22.37 Jesus diz que devemos amar a Deus com todas nossas forças e intelecto, ou seja, amar a Deus conscientemente.

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Lição 8 - O Compromisso com a Palavra de Deus - Slideshare: Professor Érick Freire - CPAD lição de Jovens e adultos 20 de novembro de 2011

Fiquem à vontade e usem os Slides! Baixem e indiquem a outros irmãos!

Dinâmica: A Equipe do Carpinteiro

Objetivo: Demonstrar a importância do trabalho em equipe.

Material e recursos humanos: 09 pessoas para representar: 01 narrador, 01 “carpinteiro” e 07 ferramentas, 09 cópias contendo a fala de todos os personagens, 01 martelo, 01 parafuso, 01 lixa, 01 metro ou trena, 01 chave de fenda, 01 plaina, 01 serrote, 01 pedaço de madeira pequeno, 01 mesa, 01 objeto pequeno de madeira.

Procedimento:
- Escolham 09 pessoas, entreguem para elas a folha contendo as falas de todos os personagens e também as 07 ferramentas (uma por pessoa).
- Antes de fazer a demonstração da dinâmica, leiam todas as falas com os atores e em seguida cada um a sua fala, observando a entonação de voz e momento de falar.
- Para a execução da dinâmica, observem atentamente o que já foi sugerido, a seqüência das falas e as observações do texto da dinâmica.
- Ao concluir a dinâmica, leiam: “Porque assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma operação, assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros”. Rm 12. 4 e 5 

Lição 8 - O Islamismo, Juvenis, O perigo da falsa ciência e das filosofias antibíblicas, Lições Bíblicas da CPAD, Subsídio: Professor Érick Freire

Islamismo: Resumo histórico e doutrinário pontos e contrapontos ao cristianismo

Queridos, durante esta semana estou voltando a comentar as lições de Juvenis e com um assunto muito difundido, mas pouco conhecido entre os cristãos, o islamismo que é a religião que mais cresce no mundo, principalmente no continente europeu, neste artigo tentarei resumir um pouco da história do islamismo concomitantemente a sua estruturação doutrinária, mostrando seus aspectos socialmente positivos e negativos.
O termo islã significa submissão absoluta e inquestionável do ser diante de Alá, ou seja, os islãs pregão a submissão absoluta a Alá em todos os termos. Esta ideia foi criada por Moḥammed (mais conhecido como Maomé). Ele era um mercador que viaja pela região da Arábia e nessas viagens via o quanto o comércio de misticismo vendia, a idolatria entre as pessoas daquela região estava em alta e o mesmo notou que, este comércio deixava as pessoas meio sem norte, sem um rumo, pois para cada situação precisavam de um deus diferente, muito parecido com os santos da igreja romana dos nossos dias. Com isso, segundo o próprio islã, Maomé que era um devoto e gostava de peregrinar para fazer suas orações principalmente em Meca e montes circunvizinhos se consagrava. Durante uma dessas de suas consagrações, ele afirma ter tido uma visão do anjo Gabriel, ora já se conhecia o anjo Gabriel através das histórias do evangelho de Cristo, os próprios cristãos que passavam por estas caravanas que vendiam e compravam comentavam sobre o anúncio do nascimento de Jesus feito por este anjo através da tradição oral.

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Lição 8 - O Compromisso com a Palavra de Deus - Subsídio: Professor Érick Freire - CPAD lição de Jovens e adultos 20 de novembro de 2011

O verdadeiro Compromisso com a Palavra!

Querido leitor, no capítulo anterior falamos sobre o arrependimento e a origem desta palavra, notamos que um verdadeiro avivamento e conserto vêm de um coração realmente quebrantado e mergulhado em um “batismo de angústia” e que esse arrependimento é a causa da ruptura com o pecado, adesão de novos comportamentos e a interiorização desta nova forma de proceder. Agora, estaremos conversando um pouco sobre o compromisso com a Palavra, o verdadeiro compromisso com Deus, neste capítulo, mas uma vez aviso antecipadamente, estarei indo contra princípios e interpretações equivocadas da Palavra de Deus que, inclusive o autor da lição incorre.
Quando falamos em compromisso lembramos, nós ocidentais de horário, local, trabalho, prova da escola, passeio marcado com um amigo(a) ou namorado(a), mas geralmente esquecemos ou nem sequer lembramos de compromissos documentados, como casamento, certidão de nascimento, acordos entre partes (seja judicial, diplomático, político ou social), por isso peço que vocês atentem para estes que geralmente esquecemos, pois trataremos de um compromisso documental religioso do povo judeu para com Deus e a lei mosaica e em conseqüência aos profetas.

1º trimestre de 2012 - A verdadeira prosperidade - A vida Cristã Abundante, lições Bíblicas da CPAD


          Queridos tenho a satisfação de informar-lhes sobre a mais nova lição da Escola Bíblica Dominical impressas pela CPAD para o início do ano de 2012, teremos a satisfação de trabalhar um assunto hodierno (como afirma o pastor Ciro Zibordi a temas contemporâneos), a teologia da prosperidade tem se inserido em várias igrejas pseudo-pentecostais, e isso tem perpetrado muitas vezes em nosso meio já que, grande parte de nossas congregações assembleianas tem pouco ou nenhum conhecimento teológico sobre o assunto, por isso, a preocupação é colocar um limite em certas práticas, pois prosperidade na Bíblia não é sinônimo só de riqueza material, mas a conjunção entre todos os fatores que trazem plena harmonia e paz espiritual, então conheçamos e prossigamos em conhecer verdadeiramente a Deus através do estudo de sua Palavra. Nesta lição o pastor José Gonçalves vai refrescar nossa mente com vários temas que percorrem por um único eixo a verdadeira prosperidade cristã, uma vida plena e abundante em harmonia e paz.

domingo, 6 de novembro de 2011

Lição 7 - Arrependimento, a base para o Conserto - Metanoia, Subsídio: Professor Érick Freire

Metanóia

Para falarmos em arrependimento, jamais poderemos esquecer a origem dessa palavra, isso chama estudo etimológico da palavra, e arrependimento não é um simples fato de ter remorso, mas um ato de transformação mental, espiritual e intelectual, seguindo essa linha de raciocínio chegamos a uma palavra bem difundida na internet nos últimos dias, Metanoia, na Bíblia o verso que está explícito este conceito é em Rm 12.1 e 2 que literalmente diz que não nos conformemos com as coisas erradas deste mundo, mas que nos transformemos pelo nosso entendimento para que possamos entender e experimentar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.

sábado, 5 de novembro de 2011

Dia Internacional da Escola Dominical - 228 anos

Um Pequeno Retrospecto


A  Escola Dominical tem muita história pra contar, são mais de dois séculos e muitos desafios encontrados, na realidade, quando falamos em Escola Bíblica Dominical nos remetemos ao ensino da Palavra, não obstante, na semana em que estaremos falando sobre o avivamento do povo judeu no período do domínio persa, quando Neemias se tornou governador de Judá que, veio por intermédio da Palavra, mais profundamente, o conhecimento da lei dada a Moisés, teremos como falar do dia 03 de Novembro de 1783 considerado o dia natalício da Escola Dominical, quando Robert Raikes publica em seu jornal um artigo falando da transformação que a Escola Dominical produziu em duas crianças.
O interessante é que o trabalho de Raikes teve uma repercussão nacional o deixando um ano depois como o homem mais conhecido da Inglaterra e um jornalista de grande influência espiritual.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Lição 6 - Neemias Lidera um Genuíno Avivamento, Escola Dominical 06 de novembro de 2011, Plano de Aula: Professor Érick Freire

Plano de Aula
Lição 6 - Neemias Lidera um Genuíno Avivamento

Objetivos: O aluno após a aula deverá saber que o avivamento se dá pelo Estudo e prática da Palavra de Deus, pois só a Bíblia é inerrante e infalível e o entendimento dela nos faz ter consciência de seu rico conteúdo!

1º Momento: Comprimente aos alunos e diga que está muito feliz em falar sobre essa lição, já que trata do genuíno estudo da Palavra de Deus, pergunte: Por que o povo pediu a Esdras que trouxesse o livro da lei? O que eles achavam que estava faltando? Espere as respostas e diga que o povo se reuniu na praça porque necessitava de ouvir a Palavra de Deus, a lei tinha sido esquecida e após a reconstrução física, eles precisavam agora da reconstrução espiritual, que nada mais é que avivamento, leia o artigo Neemias lidera um Geuíno Avivamento < Clique Aqui > para poder comentar mais sobre o assunto.
Fale também sobre a atenção do povo durante as quase 6 horas de leitura e comente sobre os cultos de doutrina, questione aos alunos: O que é doutrina? Espere as respostas e diga que doutrina significa ensino.

Lição 6 - Neemais Lidera um Genuíno Avivamento, Slides: Professor Érick Freire

Confiram os Slides da semana e acompanhem o Plano de Aula:


quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Dinâmica: PALAVRA QUE TRANSFORMA

OBJETIVO: Fazer o grupo refletir de que forma assimilamos a PALAVRA DE DEUS em nossas vidas.
MATERIAL: uma bolinha de isopor, um giz, um vidrinho de remédio vazio, uma esponja e uma vasilha com água.

DESENVOLVIMENTO:
Primeiro se explica que a água é a palavra de Deus e que o objeto somos nós, depois se coloca a água na vasilha, e alguém mergulha o isopor, após ver o que ocorre com o isopor, mergulhar o giz, depois a vidro de remédio e por último a esponja. Então refletimos:
- Como a Palavra de Deus age na minha vida?
- Eu estou agindo como o isopor que não absorve nada e também não afunda ou aprofunda?
- Ou estou agindo como o giz que guarda a água para si sem partilhar com ninguém?
- Ou ainda agimos como o vidrinho que tinha água só para passar para os outros, mas sem guardar nada para si mesmo?
- Ou agimos como a esponja absorvendo bem a água e mesmo espremendo continuamos com água?

Neemias lidera um genuíno avivamento - Subsídio para EBD - Professor Érick Freire


Quando se fala em avivamento geral e genericamente remetemo-nos ao batismo com Espírito Santo, o movimento da rua Azuza e isso incorre em um grande erro, batismo com Espírito Santo não está ligado totalmente a avivamento, pois ser avivado é restaurar a vida, dar novo direcionamento a vida ou mesmo mudar de rota. A reforma protestante foi um avivamento superior ao avivamento da rua Azuza, como também, o avivamento de Israel liderado por Neemias, Esdras e pela vontade do povo foi ainda maior, porque não saiu de uma faísca, mas do coração do povo em querer escutar e compreender a lei dada por Deus a Moisés, pois a ignorância e cegueira espiritual do povo naquela época era igual ou pelo menos comparada a cegueira de hoje, mas por que comparada a de hoje? Simplesmente porque o povo não quer conhecer verdadeiramente a Palavra e sim querem interpretar a Palavra a seu bel prazer, isso quando ela é lida, um pensamento interessante de Halley que ele aplicou aos dias dele, na década entre 1930 e 1940 era o seguinte “Quase não há pregação bíblica na igreja – há muita alegorização e metaforização. As pessoas frequentavam os cultos a vida inteira e não sabem nada a respeito da Bíblia, até mesmo nas igrejas fundamentalistas. A pregação deve ser claro e simples ensino bíblico”. (HALLEY, 2002, p. 882) Será que isso é diferente de hoje? Com certeza não! O povo está mais preocupado com entretenimento, piadas no púlpito, rajadas de glória, foguetões, fogo de palha, “palha assada”, isso é que querem! Uma geração mimada e intransigente! Não devem ser comparados com o povo de Judá, pois eles mesmos, motivados pela liderança espiritual de Esdras (diferente de muitos sacerdotes de hoje em dia – entendam como sacerdotes de hoje os líderes e pastores descompromissados) e pela força motivacional de Neemias, lembrem-se, Neemias foi batizado por uma angústia profunda quando no início da história de seu livro-diário que estamos estudando o mesmo, sentou-se e chorou copiosamente, jejuou e orou a Deus, quando Neemias começou a construção só ele tinha dentro de si qual era a obra que Deus queria realizar, o povo ainda não entendia, até que, construindo os muros em 52 dias o povo viu que Deus estava do lado de Neemias, reconheceram a liderança e pediram o mais importante agora, “Esdras traga-nos o livro da lei! Leia e nos ensine!”

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Reforma ou Revolução? O contexto da Reforma protestante!!!


Igreja Castelo de Wittenberg
Exatamente a 494 anos atrás, aos 31 de outubro de 1517, Martinho Lutero produz o marco físico da reforma e fixa na porta de Wittenberg, um edital impresso com 95 teses que iam de encontro aos mandos e desmandos dos eclesiásticos da época, as principais críticas giram em torno da venda de indulgências, ou seja,o pagamento em dinheiro para perdão de pecados.
Mas, existe um grande erro quando atribuímos o nome reforma protestante a essa data, já que, este nome só foi inserido a este movimento à partir de 1529, quando os príncipes luteranos protestaram contra a lei editada que proibia a expansão das idéias luteranas nos estados católicos, enquanto que, nos estados ditos como luteranos haveria a livre divulgação do pensamento e ideologia católica, ou seja, uma tendência descabida, discriminatória e imoral, segundo os príncipes “luteranos”.

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Lição 5 A Conspiração dos Inimigos contra Neemias, Escola Dominical, CPAD, 30 de Outubro de 2011 - Neemias - Integridade e coragem em tempos de crise, 4º Trimestre de 2011, Comentarista: Pastor Elinaldo Renovato de Lima, Consultor Doutrinário e Teológico: Pastor Antonio Gilberto, Plano de Aula e Orientação Pedagógica: Professor Érick Freire.

Objetivo: O aluno após a aula deverá entender que o discernimento espiritual é necessário para que realize a melhor obra entendendo que os inimigos, como os de Neemias, utilizam estratégias para prejudicar a obra de Deus, sabendo que o inimigo não se cansa em investir nas suas tramas!

Observação: Querido professor se você quiser utilizar os Slides dessa lição < Clique Aqui > eles estão de acordo com o Plano de Aula.

1º Momento: Professor é importante que você conheça o contexto dessa batalha espiritual e psicológica que Neemias enfrentou, para isso Leia o artigo Vencendo o Inimigo Covarde!
No início da aula faça a Dinâmica Defendendo o seu Sonho!
Após a dinâmica fale sobre o medo de Sambalat e Tobias, mostre que por causa desse medo eles queriam destruir os sonhos de Neemias, pergunte: Qual era o sonho de Neemias? Ele já tinha realizado seu sonho? Logo depois continue comentando sobre a obra que Neemias tinha como sua responsabilidade e sonho que era reconstruir sua cidade, a cidade de seus pais, que Neemias queria restaurar a moral do povo e a espiritualidade (leia com calma e imprima o texto  Vencendo o Inimigo Covarde).

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Lição 5 - A conspiração dos Inimigos Contra Neemias, Slides - Professor Érick Freire

Confiram os Slides da lição 5 < Clique Aqui > .

Lição 5 - Os engodos da Ufologia, lições bíblicas de Juvenis para Escola Dominical

Plano de Aula
Lição 5 - Os engodos da Ufologia


Objetivo: Mostrar que a Ufologia não tem base na Bíblia e que há alguns perigos que podem prejudicar a vida daqueles que se obcecam com o tema.

Observação: Querido professor da Escola Dominical, tenha muito cuidado ao falar sobre um tema como esse, não seja um mero reprodutor da ideia do autor da lição, saiba que a Bíblia não trata sobre esse assunto, nem sequer tem interesse em falar algo sobre ufologia, ovnis, Ets e etc. Por isso, tenha bem claro que o problema da ufologia está na crendice de seres superiores e na obcecação para encontrar um disco voador, na realidade, não devemos perder tempo procurado outros seres a não ser o nosso Deus.

1º Momento: Ao começar a aula peça a seus alunos para dizerem o que eles acham o que é ufologia, pergunte também se eles têm medo desse assunto, espere suas respostas e indagações e depois complemente com o que significa ufologia < Clique Aqui > . Ao ler o artigo você notará que a ufologia não passa de hipóteses e chega ao mesmo patamar de Papai Noel e Saci pererê inúmeras vezes. Querido professor consulte também o Portal da Ufologia brasileira para você compreender o que eles pensam sobre o assunto!
Comente que não há nenhuma referência bíblica que trate de outros seres físicos e inteligentes semelhantes ao ser humano.

Dinâmica: Desvendando Mitos

Objetivos: Entender que os homens tentam por mitos e fantasias na Bíblia.


Material: Caneta e envelope de carta para 3 grupos.


Procedimento: O professor divide a sala em três pequenos grupos, logo depois diz que irá entregar a cada grupo um envelope com as seguintes indagações:  Grupo 1. Os demônios podem se transformar em um ser físico? Grupo 2. Em Mt. 2.9 se refere a um disco voador? Por quê? Grupo 3. A ufologia pode ser comparada a astrologia? Por quê?
Depois de entregar cada envelope para seus alunos, peçam que os abram e discutam dentro do grupo uma resposta para o questionamento.
Agora você escolherá um do grupo, ou eles mesmos escolherem para expor a ideia do grupo, como também os outros dois grupos subsequentemente!

Respostas coerentes: 1. Biblicamente não há indícios de demônios se transformando em seres físicos, mas na realidade possuindo corpos de pessoas; 2. Não, era realmente uma estrela; 3. Sim, porque não tem base científica.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

A conspiração dos Inimigos de Neemias - Dinâmica: Defendendo o Seu Sonho!


Objetivo: Fazer o aluno refletir que para defender o seu sonho não é preciso destruir o sonho de seu próximo (importante! Não diga o objetivo da dinâmica antes dela).

Tempo estimado: 10 minutos

Material: Balões (bexigas) e palitos de dentes, papel e lápis.

Procedimento: O professor entrega a cada aluno um pedaço de papel e lápis e diz: "Escreva nesse papel o seu sonho que gostaria de realizar!" depois dê uma bexiga vazia e diga que encham e amarrem a ponta para que não escape o ar, logo depois o professor pede para que formem um círculo e entrega um palito de dente a cada aluno e diz o seguinte: "Cada um desses balões aí representam os sonhos de vocês, alguns tem sonhos pequenos, pois encheram pouco os balões, outros tem sonhos maiores, enfim, mas o mais importante é que vocês agora tem 5 minutos para defenderem seus sonhos, boa sorte!!!"